quarta-feira, 28 de julho de 2021

Dois poemas geniais de Camões

Ao Desconcerto do Mundo
 
Os bons vi sempre passar
No Mundo graves tormentos;
E para mais me espantar,
Os maus vi sempre nadar
Em mar de contentamentos.
 
Cuidando alcançar assim
O bem tão mal ordenado,
Fui mau, mas fui castigado.
Assim que, só para mim,
Anda o Mundo concertado.


Vocabulário:
desconcerto = desordem.



Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades
 
Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades,
Muda-se o ser, muda-se a confiança;
Todo o mundo é composto de mudança,
Tomando sempre novas qualidades.

Continuamente vemos novidades,
Diferentes em tudo da esperança;
Do mal ficam as mágoas na lembrança,
E do bem, se algum houve, as saudades.

O tempo cobre o chão de verde manto,
Que já coberto foi de neve fria,
E em mim converte em choro o doce canto.

E, afora este mudar-se cada dia,
Outra mudança faz de mor espanto:
Que não se muda já como soía.


Vocabulário:
afora = além de.
mor = maior.
soía = pretérito imperfeito do verbo soer [soer = como de costume].


Luís Vaz de Camões  (século XVI)


Estátua na Praça Camões em Lisboa - Portugal.


sexta-feira, 16 de julho de 2021

História da Inglaterra e UK

 Da Pré-História à Idade Antiga:

- Britannia – habitada pelos bretões [povo celta orientado pelos druidas];

Festival druida em Stonehenge


 






Na Idade Antiga:

- Invasão romana – período provincial e cristianização;

- Invasões bárbaras – os anglos e os saxões [ambos povos germânicos];

 

Na Idade Média:

- Missões cristãs – para reforçar a fé na Igreja Romana nos reinos anglo-saxões;

- Invasões Vikings [povos escandinavos pagãos];

- Invasão normanda [Normandia-França].

 

A Grã-Bretanha é a grande ilha outrora habitada pelos bretões. Na maior parte da ilha está a Inglaterra [Terra dos Anglos; em inglês: England] que hoje faz parte do Reino Unido [United Kingdom], cuja capital é Londres. O sistema político é a monarquia parlamentarista.

 

As religiões que passaram pela Grã-Bretanha:

- Druidas – dentre os celtas, eram aqueles que orientavam as práticas jurídicas, filosóficas e religiosas [animistas].

- Cristãos – povos orientados pela fé em Jesus Cristo e na Igreja Romana, posteriormente dividida entre Católica e Ortodoxa, e mais tarde sofrendo movimentos reformistas protestantes, dividindo-se em várias denominações. Na Inglaterra, a primeira igreja criada pela reforma daquele país foi a Igreja Anglicana.

- Pagãos – povos adeptos do paganismo [politeístas]. Pagão significa “homem do campo”. Eles cultuavam deuses ligados às forças da natureza; como a terra, o trovão, o mar etc.

 

Línguas que passaram pela Grã-Bretanha:

- Celta;

- Baixo-alemão;

- Old English;

- Influências da cultura greco-latina [por meio da Igreja Romana];

- Língua nórdica antiga [viking];

- Influências do francês [normando].


A bandeira do Reino Unido (UK) é uma junção das bandeiras da Escócia, Inglaterra e de São Patrício, padroeiro da Irlanda.



 









Compõem o Reino Unido: Inglaterra, País de Gales, Escócia e Irlanda do Norte. Este último fica fora da ilha da Grã-Bretanha, estando numa ilha próxima e fazendo fronteira com a República da Irlanda pelo sul. 


Bandas de rock do Reino Unido: The Beatles, The Rolling Stones, The Animals, The Hollies, The Who, Cream, Pink Floyd, Led Zeppelin, Black Sabbath, Deep Purple, Yes, Genesis, Iron Maiden, Supertramp, Sex Pistols, The Clash, Joy Division, The Smiths, Dire Straits, Tears for Fears...


* As imagens são da internet, não são de minha autoria.

terça-feira, 13 de julho de 2021

Astronomia amadora

Clique na foto para ampliar. Abra o vídeo em tela cheia.


1- O planeta Saturno no sábado 10/07/2021 de madrugada, filmado com celular 16 megapixels e binóculo 20x70.




2- Sábado 10/07, final de tarde. Binóculo apontando para o planeta Vênus no oeste. 
















Na madrugada de domingo 11/07 pude observar a galáxia de Andrômeda, visível somente em noite sem lua, como era o caso, e estar afastado da poluição luminosa dos centros urbanos ajudou muito!


3- A lua crescente, no final da tarde de ontem, 12/07/2021. A conjunção de Vênus e Marte estava um pouquinho abaixo da lua, visível a olho nu, mas a nuvem encobriu os planetas nesta foto.















4- Conjunção dos planetas vista por binóculo. Marte acima e Vênus abaixo, em 12/07.















5- Um avião passando em frente a Marte durante a conjunção desse planeta com Vênus, em 12/07.





6- A Estação Espacial Internacional (ISS) visível a olho nu passando perto da lua em 12/07/2021.




7- Um satélite passando enquanto eu filmava o planeta Júpiter.





A observação astronômica amadora é possível de qualquer lugar: janela, terraço, quintal... E não precisa necessariamente ter algum equipamento. O olho nu e a curiosidade já garantem um bom espetáculo!



sexta-feira, 9 de julho de 2021

Planets through binoculars

 Planetas, estrelas e a lua vistos por binóculos


1- Mercúrio: planeta pequeno em relação a Vênus. É o mais próximo do sol. Nesta foto ele é a esfera vermelha. Ao seu lado direito, apareceu uma estrela.

Mercúrio e uma estrela (Mercury and a star) 


2- Vênus: é o segundo planeta mais próximo do sol. Tem quase o mesmo tamanho da Terra e é o planeta mais próximo a nós. Por isso, quando visível, tem um brilho muito forte, parecendo uma estrela. 

Vênus (Venus)



3- Marte: planeta muito menor do que Vênus e mais distante. Por isso aparece como um pontinho, mas é possível notar a sua cor avermelhada, que fica mais nítida ao vivo do que nesta foto.

Marte (Mars)



4- Júpiter: o maior planeta do nosso sistema solar. Sempre aparece rodeado de suas luas, invisíveis a olho nu. Com bons binóculos é possível ver até quatro luas de Júpiter. Nesta foto, três luas estão visíveis. A cada noite as luas de Júpiter estão em posição diferente.

Júpiter e suas luas (Jupiter and its moons)



5- Saturno: Ainda não consegui tirar uma boa foto de Saturno. Os seus famosos anéis são visíveis, apesar de a imagem ser bem pequena, mas em fotografia de celular a qualidade é muito reduzida em comparação à visão real. 

Saturno (Saturn)



Obs: Urano também é visível, mas só o vi uma vez e não fotografei. É um planeta muito distante e, mesmo com binóculo, não consegui ver sua cor azulada ou esverdeada. Mas ver Urano é uma experiência muito recente para mim. Talvez com o tempo eu consiga uma melhor visão desse planeta e até fotografá-lo.


6- Estrelas invisíveis a olho nu em centros urbanos. Estas estão próximas ao cinturão de Orion. 

Estrelas (stars)


Dica: se você tem bons binóculos, procure por aglomerados de estrelas. É uma visão sensacional, muito melhor do que nessa foto. Eu gostaria de fotografar o aglomerado estelar de Plêiades, que é lindo! Ou todas aquelas estrelas invisíveis que, com binóculo, aparecem ao lado direito do Cruzeiro do Sul; sendo uma das visões mais bonitas do céu noturno.


7- A lua: nesta foto ela está começando a sair da fase cheia. Com binóculos é possível notar, a cada fase da lua, crateras em diferentes lugares de sua superfície.

Lua (Moon)



Equipamento (equipment):

Tripé (tripod);
Binóculo (binoculars) 25x70;
Telefone celular (cell phone camera) 16 megapixels; 
Adaptador de celular para binóculos (cell phone adapter for binoculars).